segunda-feira, junho 17

Na Mata Sul obra da Barragem Panelas II evitará enchentes

Governo estadual e federal unem esforços para concluir barragem que beneficiará mais de 200 mil habitantes, após uma década de paralisação

Governadora Raquel Lyra e ministro Waldez Góes assinam ordem de serviço para concluir a Barragem Panelas II
Governadora Raquel Lyra e ministro Waldez Góes assinam ordem de serviço para concluir a Barragem Panelas II. Fotos: Janaína Pepeu/Secom

Na busca por soluções efetivas contra inundações na Zona da Mata Sul de Pernambuco, a governadora Raquel Lyra e o ministro da Integração e Desenvolvimento Regional, Waldez Góes, anunciaram nesta terça-feira (30) a retomada das obras da Barragem Panelas II. Localizada em Cupira, a estrutura será a primeira de quatro barragens a ter as obras reiniciadas, após uma década de paralisação.

Antes da assinatura da ordem de serviço na Prefeitura de Belém de Maria, a governadora e o ministro realizaram um sobrevoo e visita à barragem, reforçando o compromisso com a conclusão da obra. O custo máximo estimado é de R$ 46 milhões, e a expectativa é que a construção seja finalizada em 12 meses.

💧 A Barragem Panelas II, parte do Sistema de Controle de Cheias dos Rios Una e Sirinhaém, terá a capacidade de acumular 16,9 milhões de m³ de água. Sua principal função será conter as cheias dos rios Panelas e Una, beneficiando mais de 200 mil habitantes e reforçando o abastecimento de municípios como Panelas, Cupira e Lagoa dos Gatos.

📲Siga o canal “Fala News” no WhatsApp

O financiamento para a conclusão da obra será realizado por meio do Novo PAC, com o ministro Waldez Góes destacando a importância do compromisso do governo federal. A governadora Raquel Lyra ressaltou a abertura do processo licitatório para a Barragem de Gatos, sinalizando um avanço significativo na segurança hídrica da região.

“Nos comprometemos em retomar as obras de barragens em Pernambuco, um compromisso que há muitos anos a população da Mata Sul espera. E hoje estamos aqui celebrando essa ordem de serviço, com dinheiro em caixa, para as obras,” destacou a governadora.

O ministro Góes reafirmou o compromisso do governo federal, mencionando que a contenção das cheias é crucial para atender à população que sofre com os impactos das enchentes.

Após as chuvas de 2010, que causaram inundações e transbordamentos de rios, o planejamento inicial incluía a construção de cinco barragens. Entretanto, apenas a de Serro Azul foi concluída em 2017, enquanto as demais foram paralisadas entre 2014 e 2015.

📲Siga nosso perfil no Instagram

“Esse é um momento de muita emoção porque lutamos por essa obra há anos. É o início de um novo tempo, de reduzir sensivelmente os riscos de inundações das cidades da região,” frisou o secretário estadual de Recursos Hídricos e Saneamento, Almir Cirilo.

A Barragem Panelas II, essencial para a segurança da região, recebe investimentos que somam R$ 55,8 milhões, com recursos do governo federal e execução da Secretaria de Recursos Hídricos e Saneamento de Pernambuco. Além das obras civis, serão destinados R$ 20 milhões para programas ambientais, reflorestamento e segurança de barragens. Atualmente, a barragem está 50% concluída.

💦 O prefeito de Belém de Maria, Rolph Junior, expressou gratidão pela obra, afirmando que a conclusão trará alívio à população que enfrentou enchentes no passado.

Em relação à Barragem de Gatos, localizada em Lagoa dos Gatos, a licitação para retomada das obras será concluída até março. Com capacidade de acumulação de 5,93 milhões de m³ de água, a barragem beneficiará os municípios de Belém de Maria, Água Preta, Palmares e Barreiros, com previsão de início das obras no primeiro semestre de 2024.

Os projetos de conclusão das barragens Igarapeba e Barra de Guabiraba estão em fase de atualização. O evento contou com a presença de autoridades locais, representantes do governo federal, deputados e prefeitos da região, reforçando a importância do esforço conjunto na busca por soluções para os desafios hídricos enfrentados pela população.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *