segunda-feira, maio 20

Governadora recebe artistas e grupos culturais do Carnaval pernambucano

Raquel Lyra
Fotos: Janaína Pepeu
A três dias do início oficial do Carnaval 2023, a governadora Raquel Lyra recebeu representantes de diversos grupos culturais e artísticos de Pernambuco. O encontro aconteceu na noite desta terça-feira (14), no Palácio do Campo das Princesas, e reuniu referências da dança, artesanato, música, além de fomentadores da festividade. A governadora saudou todos os presentes e comemorou o reencontro dos expoentes da cultura. A vice-governadora Priscila Krause também participou do encontro.
“Hoje nos reunimos para receber a cultura do nosso Estado. O Carnaval de Pernambuco representa a volta da alegria e o reencontro com a cultura popular. Aqui estão presentes artistas que vão tocar em todo o Estado, no Galo da Madrugada e em grandes blocos que animarão mais de 80 cidades”, afirmou Raquel Lyra. A governadora também reforçou que a folia de Momo terá investimento recorde em segurança pública. “Mais de 50 mil policiais vão garantir uma festa segura. O que a gente pede é que você vá brincar de coração cheio de alegria e volte para casa com segurança”, complementou.
Considerada rainha da ciranda, a artista Lia de Itamaracá comemorou a volta da festividade. “Esse carnaval será mil maravilhas, porque depois de muito tempo em que os mestres da cultura estão parados, vamos aproveitar com muita alegria e felicidade”, exclamou. Já o presidente do Galo da Madrugada, Rômulo Meneses, frisou que o povo vai se reencontrar com a alegria. “Essa iniciativa da governadora Raquel foi muito boa, porque ela se aproximou da cultura, dos que fazem a cultura, dos que trazem a cultura para o povo. Vamos devolver a alegria para as pessoas”, ressaltou.
“Estamos incentivando a cultura popular fazendo o máximo possível para contemplar a maioria dos artistas populares, agremiações, orquestras, blocos, dança, maracatus e cirandas para fazer uma festa de muita esperança, alegria e recepção”, destacou o secretário de Cultura Silvério Pessoa.
O secretário de Turismo e Lazer, Daniel Coelho, ressaltou a diversidade do Carnaval pernambucano. “Esses ícones e referências da cultura pernambucana são os maiores motivos do nosso Carnaval ser tão essencial. Temos produção cultural em todas as regiões de Pernambuco, que vai voltar a ter um Carnaval que respeita a diversidade da nossa gente”, pontuou.
Também participaram do encontro os artistas Claudionor e Nonô Germano; Conde Só Brega; Anderson Miguel e mestres de Maracatu; Valéria Moraes e Marco César (Coral Edgar Moraes); Dudu Alves e Marcelo Melo (Quinteto Violado); Dengue e Toca Ogan (Banda Nação Zumbi – 30 anos do Manguebeat); Cannibal, Cello e Neilton (Banda Devotos); Alexandre Velozo (produtor de artesanato de Goiana); Ana Paula Santana e Reinch Reiva de Melo (Conselho de Cultura); Manoelzinho Salustiano, Pedro Salustiano e Osmar Barbalho; Siba Veloso, Sérgio Cassiano e Melina Hickson (Banda Mestre Ambrósio); Harryson e Eduardo Rossi (Cena Peixinhos); Andala e Mestre Grimario (Boi Pintado de Aliança); Chopellí (Amotrans); Edilza e Bárbara Aires.
Ainda estavam presentes o secretário Chefe da Assessoria Especial, Fernando Holanda; o presidente da Empetur, Eduardo Loyo; e a presidente da Fundarpe, Renata Borba.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *