sexta-feira, junho 21

Túlio Gadêlha cobra Itamaraty por agressão a pernambucano em Portugal

 Deputado federal Túlio Gadêlha (Rede) pede ação do Ministério das Relações Exteriores em caso de agressão xenofóbica em Portugal.

Deputado Federal, Túlio Gadêlha – Foto: Kauê Pinto/Divulgação

O deputado Túlio Gadêlha protocolou um ofício junto ao Ministério das Relações Exteriores solicitando uma resposta imediata e acompanhamento do caso de agressão xenofóbica ocorrido no dia 10 de junho, na cidade de Braga, em Portugal. A vítima, Saulo Jucá, um engenheiro civil brasileiro, foi brutalmente agredido por um indivíduo que questionava sua nacionalidade.

Saulo Jucá afirmou ao jornal Metrópoles que irá buscar a Justiça e contratar um advogado para cuidar do caso, pois existem imagens do incidente capturadas pelas câmeras do local. Ele também ressaltou que, embora a xenofobia seja algo considerado normal para alguns, nunca tinha sido vítima direta de tal violência, embora já tenha presenciado comentários preconceituosos e racistas anteriormente.

Túlio Gadêlha, que presidiu a Comissão Mista Permanente sobre Migrações Internacionais e Refugiados, destaca a importância da cooperação entre Brasil e Portugal para enfrentar e combater qualquer forma de xenofobia e violência baseada em preconceitos. Em seu ofício ao Ministério das Relações Exteriores, o parlamentar exige que Saulo Jucá receba todo o suporte necessário, incluindo assistência consular e garantia de seus direitos e segurança.

Até o momento, a Embaixada do Brasil em Portugal não se pronunciou publicamente sobre o caso.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *