segunda-feira, maio 27

Credenciamento para novas unidades da Farmácia Popular contempla 36 municípios pernambucanos

 Em todo o Brasil, 811 novos municípios estão aptos a aderirem o programa

Foto: Ed Machado/Folha de Pernambuco

O Ministério da Saúde reabriu o credenciamento para o programa Farmácia Popular do Brasil, possibilitando a adesão de 811 municípios em todo o país para a instalação de novas unidades. Do total, 94,4% desses municípios estão localizados nas regiões Norte e Nordeste. Em Pernambuco, especificamente, são 36 municípios que têm a oportunidade de participar do programa. Confira a relação completa no final do texto.

De acordo com o Governo Federal, a seleção dos municípios aptos a receberem a Farmácia Popular priorizou aqueles que são considerados mais vulneráveis e que já aderiram ao programa Mais Médicos. É importante ressaltar que já se passaram oito anos desde o último credenciamento de novas farmácias pelo Ministério da Saúde.

A expectativa do Ministério da Saúde é que, com essas novas habilitações, até o final deste ano, o Farmácia Popular esteja presente em 5.207 municípios brasileiros, o que representa 93% do território nacional.

A retomada do programa Farmácia Popular, realizada na semana passada pelo presidente Luiz Inácio Lula da Silva, no Recife, traz a vantagem de permitir que todos os beneficiários do Bolsa Família tenham acesso gratuito aos 40 medicamentos disponíveis no programa. Com essa iniciativa, o acesso à assistência farmacêutica será ampliado para 55 milhões de brasileiros.

Dentre os medicamentos oferecidos, destaca-se o acesso gratuito para o público feminino a medicamentos indicados para o tratamento de osteoporose e contraceptivos. Anteriormente, esses medicamentos eram disponibilizados pela metade do preço. Além disso, remédios para o tratamento de hipertensão, diabetes e asma também estarão disponíveis de forma gratuita. Estima-se que mais de 5 milhões de mulheres se beneficiarão com essa medida.

O Ministério da Saúde informa que também facilitará o acesso ao programa para a população indígena atendida pelos Distritos Sanitários Indígenas (Dsei). Com o objetivo de evitar o deslocamento dessas comunidades, será designado um representante responsável por retirar os medicamentos indicados, sem a necessidade de possuir CPF para ser atendido. Essa iniciativa será implementada em um projeto piloto no território Yanomami, em Roraima.

Confira a relação dos 36 municípios de Pernambuco que poderão solicitar o credenciamento de unidades do Farmácia Popular:

– Buenos Aires

– Cachoeirinha

– Calçado

– Calumbi

– Camutanga

– Carnaubeira da Penha

– Casinhas

– Chã de Alegria

– Cortês

– Granito

– Ibimirim

– Iguaraci

– Ingazeira

– Ipubi

– Itacuruba

– Itapetim

– Joaquim Nabuco

– Jucati

– Lagoa do Carro

– Mirandiba

– Moreilândia

– Palmeirina

– Parnamirim

– Quixaba

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *