sábado, junho 22

PF faz buscas por “possível financiador” de atos em 8 de janeiro

 

  Operação ocorre no município paulista de Itapetininga

Foto: Joedson Alves

A
Polícia Federal (PF) cumpre, na manhã desta terça-feira (27), um
mandado de busca e apreensão, expedido pelo Supremo Tribunal Federal
(STF), no município de Itapetininga (SP). O objetivo é identificar o
“possível financiador” dos atos registrados no dia 8 de janeiro, em
Brasília, quando o Palácio do Planalto, o Congresso Nacional e o STF
foram invadidos e vandalizados. 

A ação é parte da décima terceira fase da
Operação Lesa Pátria. “Os fatos investigados constituem, em tese, os
crimes de abolição violenta do Estado Democrático de Direito, golpe de
Estado, dano qualificado, associação criminosa, incitação ao crime,
destruição e deterioração ou inutilização de bem especialmente
protegido”, destacou a PF, em nota. 

“Caso tenha informações sobre a
identificação de pessoas que participaram, financiaram ou fomentaram os
fatos ocorridos em 8/1, em Brasília (DF), solicitamos que as encaminhe
para o e-mail denuncia8janeiro@pf.gov.br”, conclui o comunicado da
corporação. 
 

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *