segunda-feira, maio 20

Com sistema de orientação de pousos desligado, voos seguem sendo desviados no Aeroporto dos Guararapes

 Desativação do sistema de orientação de pousos prejudica operações durante o inverno chuvoso

Foto: Gabriel Ferreira

Os passageiros que utilizam o Aeroporto Internacional do Recife devem estar preparados para possíveis atrasos e desvios de voos devido ao período de inverno chuvoso na capital pernambucana. Nesta segunda-feira (26/6), novamente voos foram afetados, cancelados ou desviados para aeroportos em estados vizinhos, devido à desativação do sistema de orientação de pousos do terminal, que dificulta o pouso das aeronaves em condições de chuva intensa.

Somente pela manhã, três voos foram diretamente afetados: um foi cancelado e dois tiveram que ser desviados para aeroportos em estados vizinhos. Informações apontam que os pilotos tentaram aterrissar, porém sem sucesso, sendo necessário realizar uma arremetida, manobra que costuma assustar os passageiros. Além disso, outras aeronaves tiveram que sobrevoar a cidade à espera de uma melhora nas condições meteorológicas.

A Aena Brasil, concessionária responsável pela administração do Aeroporto Internacional do Recife, se pronunciou sobre os problemas enfrentados nesta segunda-feira. Segundo nota divulgada, o aeroporto operou por instrumentos durante duas horas devido às fortes chuvas. Um voo foi cancelado e dois foram desviados para outros aeroportos. Algumas aeronaves ficaram em órbita por um tempo, mas retornaram e pousaram logo em seguida. As equipes de operações estão monitorando a situação meteorológica.

Os desvios e cancelamentos não são apenas causados pelas chuvas, mas também devido à desativação do Sistema de Pouso por Instrumento (Instrument Landing System – ILS), um dispositivo essencial para auxiliar os pilotos até que tenham contato visual com a pista de pouso.

Sem a orientação do equipamento, os pilotos não conseguem realizar o procedimento de pouso em dias de chuva, sendo necessário realizar uma arremetida e direcionar a aeronave para outros aeroportos da região. Esse problema já ocorreu anteriormente no dia 14/6, quando 39 voos foram impactados pelas fortes chuvas, especialmente os que tinham como destino o Aeroporto Internacional do Recife.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *