quarta-feira, julho 24

Pernambuco lidera ivestimentos com saúde no Brasil

Pernambuco destina maior parcela do orçamento à saúde, com 23% do total, seguido por Tocantins e Roraima

Relatório do Tesouro Nacional aponta Pernambuco como estado que mais investiu em saúde no primeiro quadrimestre de 2024
Relatório do Tesouro Nacional aponta Pernambuco como estado que mais investiu em saúde no primeiro quadrimestre de 2024. Foto: Miva Filho

A Secretaria do Tesouro Nacional (STN) divulgou, na última terça-feira (2), análise do Relatório Resumido de Execução Orçamentária (RREO) dos estados brasileiros. De acordo com o relatório, Pernambuco é o estado que dedicou a maior parcela de suas despesas à área da saúde, com 23%. Além de Pernambuco, os estados de Tocantins e Roraima também se destacaram, considerando a proporção de despesas totais dedicadas à saúde.

“O resultado apontado pelo Tesouro Nacional deixa evidente a prioridade que a área de saúde tem no nosso governo. No ano passado, já registramos um aumento de investimentos para a área e, este ano. Lideramos entre os estados brasileiros no quesito destinação de recursos para o setor. Não estamos medindo esforços para reestruturar a rede de saúde, com obras como a do Hospital da Mulher do Agreste. A regionalização de exames e consultas e um amplo programa para zerar a fila de cirurgias. Em dezoito meses, fizemos mais de cem mil procedimentos”, destacou a governadora Raquel Lyra.

Dos quase R$ 3 bilhões investidos em saúde, R$ 1,71 bilhão é oriundo de recursos do tesouro estadual. Enquanto R$ 1,24 bilhão provém de recursos federais. Em suma, 58% do total investido vieram do Governo do Estado, e 42% do custeio do Sistema Único de Saúde (SUS), por meio do Governo Federal. Comparando as despesas do primeiro quadrimestre de 2022, 2023 e 2024. Observamos um crescimento de aproximadamente R$ 526 milhões em recursos investidos na área da saúde. Em 2022, o total foi de R$ 2,42 bilhões; em 2023, R$ 2,63 bilhões; e em 2024, cerca de R$ 2,97 bilhões.

Investimentos crescentes refletem compromisso com a saúde

O Relatório do 2º bimestre de 2024 reúne informações da execução orçamentária de todos os poderes: Executivo, Legislativo e Judiciário, incluindo também o Ministério Público e a Defensoria Pública. Os dados do STN baseiam-se no Relatório Resumido de Execução Orçamentária dos entes subnacionais cadastrados no Sistema de Informações Contábeis e Fiscais do Setor Público Brasileiro (Siconfi), gerido pelo Tesouro Nacional.

Contudo, a prioridade dada à saúde pelo governo pernambucano não se limita aos números. Os investimentos em infraestrutura, como a construção do Hospital da Mulher do Agreste, e a regionalização de exames e consultas, são exemplos práticos do compromisso com a saúde da população. Em dezoito meses, mais de cem mil procedimentos foram realizados, refletindo um esforço contínuo para melhorar os serviços de saúde.

Além disso, a governadora Raquel Lyra destaca a importância de zerar a fila de cirurgias, um desafio enfrentado por muitos estados. “Estamos empenhados em garantir que cada pernambucano tenha acesso aos cuidados de saúde necessários. Por causa disso, nosso governo tem trabalhado incansavelmente para melhorar a infraestrutura e a eficiência do sistema de saúde”, afirmou Lyra.

Desafios e perspectivas para o futuro

Apesar dos avanços, há ainda muitos desafios a serem enfrentados. O aumento contínuo dos investimentos em saúde é crucial, mas é igualmente importante garantir a eficiência e a qualidade dos serviços prestados. Em suma, a gestão eficiente dos recursos, a transparência nos gastos e a colaboração entre os governos estadual e federal são essenciais para o sucesso das políticas de saúde.

Em conclusão, os dados apresentados pelo Tesouro Nacional destacam o compromisso de Pernambuco com a saúde pública, colocando o estado na liderança em termos de investimento proporcional. A continuidade desse esforço é fundamental para assegurar que todos os pernambucanos tenham acesso a um sistema de saúde de qualidade.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *