sexta-feira, abril 19

Incentivo fiscal do estado estimula bacia leiteira

Decreto do governo estadual visa incentivo para estimular a produção de leite e seus derivados, gerando emprego e renda.

Incentivo fiscal do estado estimula bacia leiteira
Incentivo fiscal do estado estimula bacia leiteira. Foto: SDA/IPA e divulgação

Os produtores da bacia leiteira do Agreste e do Sertão de Pernambuco receberão um novo incentivo para a produção de leite no Estado. O Governo de Pernambuco, por meio da Secretaria da Fazenda, publicou o decreto 56.323, que concede benefícios fiscais nas operações com o leite e seus derivados para a indústria local. 📈🥛

A governadora Raquel Lyra afirmou que a bacia leiteira é um importante ativo da agropecuária e da economia do estado. “Com esse decreto, mostramos que o trabalho é sério, é de atenção, é de estímulo às nossas mulheres e aos nossos homens do campo. A bacia leiteira e o arranjo produtivo local de laticínios no Estado vão dar um salto em qualidade porque estamos juntos, lado a lado, fazendo as melhores escolhas para que isso se concretize”, disse a governadora. 🤝📜

A primeira medida adotada pela gestão estadual segue o exemplo do benefício dado pelo estado do Ceará. No território cearense, é concedido um crédito presumido de 95% sobre o saldo devedor resultante da saída de mercadorias industrializadas com o leite. Essa medida será replicada em Pernambuco, desde que 90% do insumo adquirido seja do produtor pernambucano, feito na indústria local. 🔄

📲Siga o canal “Fala News” no WhatsApp

A segunda iniciativa concede isenção do Imposto sobre Circulação de Mercadorias e Serviços (ICMS) nas saídas internas de produtos derivados do leite, como queijo, requeijão e doce de leite, realizadas pelo produtor rural, resultante da fabricação artesanal. 🧀🐄

O secretário da Fazenda, Wilson José de Paula, ressaltou que a isenção do ICMS colabora para o fortalecimento do setor leiteiro, tornando Pernambuco mais competitivo e em igualdade aos estados vizinhos. “A governadora Raquel Lyra, sensível ao pleito dos produtores da bacia leiteira, está concedendo uma série de benefícios com o objetivo de estimular a integração, o crescimento da cadeia produtiva e o consumo local”, disse o secretário. 📊

📲Siga nosso perfil no Instagram

Entre as medidas que ainda estão em tratativas, duas são de importância para o setor: a isenção na operação interestadual do leite in natura e a isenção da manteiga do produtor rural. Para o leite in natura, a proposta pretende autorizar o estado de Pernambuco a conceder isenção nas operações interestaduais para Sergipe e Alagoas com leite em estado natural. Neste momento, o Governo de Pernambuco aguarda o pedido de vistas de Alagoas à proposta de Convênio apresentada no Conselho Nacional de Política Fazendária. 📝

Pernambuco é um dos maiores produtores de leite do Nordeste, com 27 municípios que formam a bacia leiteira do Agreste ao Sertão, somando cerca de 60 mil produtores, responsáveis pela produção de, aproximadamente, 2,3 milhões de litros por dia. 🥛

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *