sexta-feira, maio 24

Flávio Dino suspende perfis regionais da PF e PRF após suposta invasão hacker

Postagem em rede social da Polícia Rodoviária Federal em Sergipe pediu doação por meio de chaves PIX para Bolsonaro

Foto: Reprodução/Instagram

Nesta quinta-feira (29), às 04h00, o perfil oficial da Polícia Rodoviária Federal (PRF) de Sergipe compartilhou uma postagem pedindo doações via PIX para o ex-presidente Jair Bolsonaro. Após o ocorrido, o ministro da Justiça, Flavio Dino, determinou a suspensão dos perfis da PRF e da Polícia Federal (PF) do estado.

“Diante da alegada invasão do perfil regional da PRF em Sergipe, inclusive com troca de senha, estou determinando a suspensão dos perfis regionais da PF e da PRF para análise da segurança, mantendo apenas os perfis nacionais nas redes sociais. Quanto à remoção da postagem criminosa, a PRF está tomando as devidas providências. Além disso, uma investigação será aberta para apurar os fatos”, informou o ministro.

A assessoria de comunicação da corporação fez um pronunciamento alegando que a rede social foi alvo de um “ataque de hackers” e que “todas as publicações feitas durante esse período foram de origem criminosa”.

A postagem afirmava: “A equipe da Polícia Rodoviária Federal de Sergipe decidiu colaborar com a causa do nosso ex-presidente Jair Messias Bolsonaro. Acreditamos que ele ainda possui sua cidadania brasileira e merece todo o nosso apoio como pátria”.

Hoje ocorre o terceiro dia de julgamento no Tribunal Superior Eleitoral (TSE), que pode resultar na inelegibilidade do ex-presidente Bolsonaro por acusações de abuso de poder e uso indevido dos meios de comunicação.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *