segunda-feira, abril 15

Desabamento em supermercado no Curado IV, Jaboatão, deixa uma vítima fatal e seis feridos

Mulher identificada como Marta Maria morre sob escombros; bombeiros resgatam seis feridos no Supermercado Atacarejo Econômico.

Teto de supermercado desaba no Curado. Foto- Divulgação
Teto de supermercado desaba no Curado. Foto- Divulgação

Na manhã desta sexta-feira (24), o teto de um supermercado na Rua Quatro, no bairro do Curado IV, em Jaboatão dos Guararapes, desabou, resultando na trágica morte de Marta Maria Lima do Nascimento, 37 anos, repositora do estabelecimento. Seis pessoas ficaram feridas.

⚠️ Resgate e Vítimas: Bombeiros, utilizando cães farejadores, encerraram os trabalhos às 13h30, confirmando o resgate com vida de cinco homens e uma mulher, por volta das 11h50. Duas vítimas foram encaminhadas ao Hospital da Restauração, estando estáveis até a última atualização.

🏥 Atendimento Médico: Hospital da Restauração recebeu dois feridos, mantendo-se estáveis. A Defesa Civil orientou o afastamento de pessoas ao redor, evitando outros acidentes.

🚨 Atuação Emergencial: Samu e PRF foram acionados para “colapso na estrutura do estabelecimento”. A PRF prestou auxílio com helicóptero. Vídeos nas redes mostram danos na estrutura e mercadorias espalhadas.

Siga o canal “Fala News” no WhatsApp

🚧 Fase de Obras e Depoimento: O supermercado estava em obras, com inauguração prevista para a próxima semana. Um funcionário relatou ter ouvido estalos minutos antes do desabamento.

📄 Posicionamento Oficial: Prefeitura lamenta o ocorrido, destacando a atuação conjunta de Defesa Civil, Corpo de Bombeiros, PM, Samu e PRF no resgate, prometendo uma perícia para determinar a causa do desabamento.

🔍 Avaliação Estrutural: Defesa Civil avaliou a estrutura, isolando áreas de risco. A perícia policial esclarecerá as causas. O Atacarejo não estava funcionando, e a Prefeitura não recebeu solicitações para funcionamento ou reforma.

Este trágico incidente levanta questões sobre a segurança estrutural em estabelecimentos comerciais, exigindo esclarecimentos e ações preventivas para evitar futuros acidentes.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *