segunda-feira, junho 17

Brasil exige visto para turistas do Canadá, Austrália e EUA a partir de 10 de Janeiro

A medida do Brasil, inicialmente prevista para outubro de 2023, foi prorrogada; isenção até 9 de janeiro para quem já estiver em solo brasileiro.

Austrália, Canadá e EUA, exigência de visto pelo Brasil começa dia 10. Foto - Agência Brasil
Austrália, Canadá e EUA, exigência de visto pelo Brasil começa dia 10. Foto – Agência Brasil

A partir do dia 10 de janeiro, turistas provenientes do Canadá, Austrália e Estados Unidos (EUA) que desejarem visitar o Brasil terão que se adequar à nova exigência de visto. A determinação, que inicialmente entraria em vigor em 1º de outubro de 2023, foi prorrogada, conforme informou o Ministério do Turismo.

Em comunicado oficial, o ministério ressaltou que a data de chegada ao território brasileiro é crucial para a aplicação da medida. Dessa forma, os turistas dos três países mencionados que chegarem até o dia 9 de janeiro estarão isentos da obrigatoriedade de apresentar o visto.

A exigência de visto já era uma realidade para turistas japoneses, australianos, canadenses e norte-americanos. No entanto, um acordo bilateral entre Brasil e Japão estabeleceu a isenção mútua de visto para estadias de curta duração, limitadas a 90 dias. Esse acordo foi o responsável pela prorrogação da medida para os demais países.

📲Siga o canal “Fala News” no WhatsApp

O Ministério do Turismo esclareceu que ajustes no processo licitatório estão em andamento para a contratação da empresa que fornecerá o serviço de vistos eletrônicos para os turistas desses três países. “O novo decreto será publicado tão logo sua tramitação seja finalizada”, informou a nota oficial.

É relevante destacar que o governo brasileiro manifestou seu interesse em continuar as negociações com as três nações, visando acordos de isenção de vistos baseados nos princípios da reciprocidade e igualdade entre os Estados. A pasta ministerial enfatizou o compromisso do país em buscar soluções que promovam o turismo e fortaleçam os laços entre as nações.

📲Siga nosso perfil no Instagram

A medida, embora gere mudanças nos planos de viagem para os turistas afetados, é vista pelo governo como um passo importante para a segurança e controle migratório. A isenção temporária até 9 de janeiro é uma concessão para quem já programou sua viagem, proporcionando um período de transição para se adequar às novas exigências.

A decisão de adiar a implementação do visto também permitirá que a parte burocrática seja ajustada de maneira mais eficiente, garantindo uma transição suave para todas as partes envolvidas. A expectativa é de que a medida contribua para uma gestão mais eficaz do fluxo de turistas, fortalecendo as relações internacionais e promovendo um turismo responsável.

Em conclusão, o Brasil reforça seu compromisso com a diplomacia e a busca por acordos benéficos para ambas as partes. A implementação do visto para turistas do Canadá, Austrália e EUA representa uma medida estratégica que visa equilibrar a entrada de visitantes estrangeiros, alinhando-se aos interesses nacionais e às práticas internacionais de controle migratório.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *