segunda-feira, maio 20

Últimas vítimas são retiradas dos escombros em desabamento de prédio no Grande Recife; número de mortos sobe para 14

Operações do Corpo de Bombeiros por desaparecidos levaram cerca de 31 horas, mas a busca segue por animais nos escombros

Crédito: WESLEY D ALMEIDA/CÓDIGO19/ESTADÃO CONTEÚDO
O Corpo de Bombeiros encontrou na tarde deste sábado (08) três corpos nos escombros e o número de mortos chegou a 14 após desabamento parcial do prédio Conjunto Beira Mar, no município de Paulista, no Grande Recife, em Pernambuco.
Os corpos de uma mulher de 40 anos e seus dois filhos, de 6 e 9 anos, foram encontrados após 31 horas ininterruptas de buscas.
A busca por desaparecidos foi encerrada pelo Corpo de Bombeiros. Porém, os trabalhos devem durar mais tempo para o resgate de animais dos escombros.
Na manhã deste sábado, uma mulher de 37 anos, um homem de 40 anos e uma mulher trans de 19 anos foram retirados sem vida dos escombros.

O desabamento aconteceu na manhã de sexta (7).

Até a noite de sexta-feira, oito mortes já haviam sido confirmadas pela Secretaria de Defesa Social (SDS) pernambucana.
Além das três vítimas encontradas neste sábado, foram confirmadas as mortes de outros três homens, de 18, 21 e 45 anos; dois adolescentes, de 12 e 16 anos; uma mulher de 43 anos; e duas crianças, de 5 e 8 anos.
O homem de 18 anos chegou a ser retirado do local com vida, foi levado ao Hospital Miguel Arraes (HMA), mas não resistiu.
Três pessoas foram resgatadas com vida. De acordo com a SDS, entre as pessoas resgatadas com vida estão uma mulher de 65 anos e duas adolescentes de 15 anos. Elas foram levadas para o Hospital da Restauração (HR) e HMA.
Segundo informações do HR, a paciente de 15 anos permanece internada, em observação, com quadro de saúde estável. Outra adolescente, também de 15 anos, que inicialmente foi encaminhada para o HMA, também segue internada.
Ela passou por um procedimento cirúrgico para reparar uma lesão por esmagamento na perna e seu estado de saúde também é estável

Desabamento

O desabamento ocorreu na Rua Dr. Luiz Inácio de Andrade Lima, no bairro Janga, no município de Paulista, que está localizado na região metropolitana do Recife – a cerca de 17 quilômetros da capital pernambucana.
Segundo relatos, o prédio estava em desativação, mas algumas pessoas teriam insistido em continuar no espaço. Algumas teriam, inclusive, invadido a construção.
Recife está em alerta devido às chuvas que atingem a cidade nos últimos dias. De acordo com a Defesa Civil, a previsão do tempo indica possibilidade de chuvas moderadas nas próximas horas.

CNN Brasil

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *