sexta-feira, maio 24

GREVE NO METRÔ DO RECIFE: Metroviários decretam PARALISAÇÃO do sistema com início às 22h desta quarta-feira (12)

 Com isso, o Metrô do Recife não funcionará nesta quinta-feira, 13 de julho, em uma paralisação de 24 horas.

Foto: Reprodução
Em uma Assembleia histórica, os metroviários e as metroviárias de Pernambuco decretaram a greve da categoria, nesta quarta-feira, 12 de julho, com paralisação imediata do sistema, iniciando já às 22h de hoje. Com isso, não haverá Metrô no Recife nesta quinta-feira, 13 de julho, em uma paralisação de 24 horas. Esta será a primeira greve do Governo Lula.
O presidente do Sindmetro-PE, Luiz Soares, iniciou a assembleia fazendo um breve histórico de lutas e articulações políticas recentes para que as demandas da categoria fossem realizadas. “Essa direção desde o primeiro momento até agora, essa diretoria busca o diálogo como o principal ponto de negociações. Mas, infelizmente, assim como o governo anterior, esse novo governo continua com o desejo de privatizar o sistema e diremos não. Não a privatização e sim a um metrô federal estatal e de qualidade”, disse.
O vice-presidente do Sindmetro-PE, Assis Filho, destacou a necessidade de união neste momento. “O Acordo é coletivo e não podemos tomar decisões individuais. É o momento de nos unirmos, de parar o sistema e juntos fecharmos as estações. Por nossos empregos, por nossas famílias, pela população pernambucana que merece um transporte de qualidade. Vamos à luta”, solicitou.
As pressões foram intensificadas após uma série de fatores que não foram atendidas pela categoria, como: a retirada da CBTU do Programa Nacional de Desestatização (PND), os repasses necessários para o Plano de Restruturação do Metrô do Recife e a aprovação das pautas do Acordo Coletivo de Trabalho (ACT).
Foram definidos 15 grupos para a mobilização nas estações e a paralisação iniciada às 22h desta quarta.

Portal da Prefeitura

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *