segunda-feira, abril 15

Fluminense empata em duelo eletrizante com Internacional na semifinal da Libertadores

Tricolor das Laranjeiras supera expulsão e garante igualdade no Maracanã.

Fluminense e Internacional
Foto; Mailson Santana/FFC
Na noite de quarta-feira, mais de 67 mil torcedores foram testemunhas de um confronto épico no estádio do Maracanã, onde o Fluminense enfrentou o Internacional na primeira partida das semifinais da Copa Libertadores. Mesmo jogando com um homem a menos durante mais de 45 minutos, o Fluminense conseguiu arrancar um empate emocionante de 2 a 2 contra o Colorado, mantendo viva a esperança de avançar para a grande decisão do torneio continental.
O jogo começou com uma intensidade impressionante, com ambas as equipes buscando o gol desde o minuto inicial. Nos primeiros oito minutos, o equatoriano Enner Valencia, do Internacional, teve duas oportunidades claras de marcar, mantendo os torcedores à beira de seus assentos.
No entanto, aos nove minutos, o Fluminense abriu o placar com uma bela jogada que envolveu Arias, Renê e o argentino Germán Cano, que finalizou com precisão, vencendo o goleiro Rochet. A alegria da torcida tricolor foi momentaneamente abalada aos 17 minutos, quando Valencia marcou, mas o gol foi anulado devido a uma posição de impedimento.
A partida continuou movimentada, com oportunidades de ambos os lados, até que, aos 44 minutos do primeiro tempo, Samuel Xavier foi expulso após receber o segundo cartão amarelo, deixando o Fluminense com um jogador a menos.
Com vantagem numérica, o Internacional aproveitou a situação e empatou antes do intervalo com um gol de cabeça de Mallo. No segundo tempo, os colorados continuaram pressionando e tiveram um gol anulado pelo VAR devido a um toque de mão na finalização.
No entanto, aos 18 minutos da etapa complementar, o Internacional conseguiu a virada com um belo gol de Alan Patrick, após uma jogada bem trabalhada com Enner Valencia. Mesmo em desvantagem no placar e no número de jogadores em campo, o Fluminense não se entregou.
Aos 32 minutos, em uma jogada de bola parada, o zagueiro do Fluminense cabeceou na direção de Cano, que pegou de virada, garantindo o empate final em 2 a 2 e deixando a decisão da vaga para o jogo de volta no Beira-Rio, que acontecerá às 21h30 (horário de Brasília) da próxima quarta-feira, dia 4 de outubro. O outro finalista da Copa Libertadores será decidido no confronto entre Palmeiras e Boca Juniors.
O duelo no Maracanã foi um verdadeiro espetáculo de futebol, mostrando a garra e determinação das equipes em busca do sonhado título da Libertadores. O confronto de volta promete ser igualmente emocionante, com as duas equipes lutando pelo direito de avançar à final e fazer história no torneio continental.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *