sexta-feira, fevereiro 23

Desenrola Brasil entra em nova fase com leilão de descontos em dívidas

Programa de renegociação do governo federal oferece descontos em dívidas de diversos setores

Desenrola Brasil
Foto: Divulgação
A partir desta segunda-feira (25), o programa Desenrola Brasil, de renegociação de dívidas do Governo Federal, avança para uma nova etapa. Nessa fase, empresas inscritas no programa realizarão um leilão de descontos para devedores, com a expectativa de um desconto médio de pelo menos 58%. Na próxima semana, os brasileiros com dívidas poderão verificar as ofertas no site do programa.
Serão negociadas dívidas de diversos setores, incluindo serviços financeiros, comércio varejista, eletricidade, telecomunicações, educação, saneamento e micro e pequenas empresas. Esta fase é destinada a indivíduos que recebem até dois salários mínimos ou estão inscritos no Cadastro Único para Programas Sociais do Governo Federal (CadÚnico), enquadrando-se na chamada “faixa 1” do programa.
Os débitos poderão ser parcelados em até 60 vezes, com uma taxa de juros de 1,99% ao mês e parcela mínima de R$ 50. A renegociação deve ser feita por meio dos canais digitais do governo, e as operações na faixa 1 do Desenrola serão isentas de IOF.
Somente dívidas contraídas entre 1º de janeiro de 2019 e 31 de dezembro de 2022 podem ser negociadas nesta fase. Não estão incluídas as dívidas com garantia real, de crédito rural, de financiamento imobiliário e operações com funding ou riscos de terceiros.
O Desenrola Brasil iniciou suas operações em julho deste ano, atendendo pessoas com renda mensal de dois salários mínimos até R$ 20 mil que não estão no Cadastro Único do governo federal, compreendendo a “faixa 2” do programa. Até agosto, mais de 1,2 milhão de contratos foram renegociados, beneficiando cerca de 985 mil clientes, segundo a Federação Brasileira de Bancos (Febraban).

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *