sexta-feira, junho 21

Moradores de Ribeirão sofrem sem água da Compesa

Falta de água persiste há mais de uma semana em Ribeirão, levando moradores a recorrerem a medidas drásticas e questionarem a responsabilidade da COMPESA.

Moradores de Ribeirão sofrem sem água da Compesa
Moradores de Ribeirão sofrem sem água da Compesa. Foto: Divulgação

Na mata sul do Estado, especificamente em Ribeirão, a população enfrenta uma grave crise de abastecimento de água. Há mais de uma semana, os moradores relatam a escassez, provocando transtornos generalizados 😞. A denúncia, amplamente divulgada, aponta a COMPESA como a principal responsável pelo problema.

Segundo informações obtidas, a Prefeitura de Ribeirão tem pressionado a COMPESA em busca de uma solução urgente. No entanto, até o momento, a única resposta da empresa foi a promessa de que estão trabalhando para restabelecer o abastecimento 💧.

Enquanto isso, uma ação controversa tem chamado a atenção na cidade. Liderada pelo ex-deputado Clóvis Paiva e pelo Vereador Tenente Arão, membros da oposição, a distribuição de água para os moradores tem sido realizada sem qualquer certificação de potabilidade. O mais preocupante é que essa água está sendo transportada em caminhões usados para produtos químicos de indústrias sucroalcooleiras, levantando questionamentos sobre a segurança do fornecimento.

📲Siga nosso perfil no Instagram

A atitude desses políticos levanta dúvidas sobre suas intenções. Seria uma ação genuinamente caridosa ou uma estratégia eleitoral para angariar votos? Além disso, a moralidade de expor a vida das pessoas, especialmente idosos, crianças e gestantes, ao risco de consumir água de procedência duvidosa, está em debate. Os moradores se veem diante de um dilema, sem saber se devem confiar na generosidade dos políticos ou aguardar pela solução oficial do problema pela COMPESA.

Enquanto isso, o Governo do Estado, responsável pela COMPESA, permanece em silêncio. Mesmo diante da pressão da população e das autoridades municipais, nenhum pronunciamento oficial foi feito até o momento. Vale ressaltar que a atuação da COMPESA em Ribeirão teve início em 2009, durante a gestão do ex-deputado Clóvis Paiva, então prefeito da cidade, o que adiciona mais complexidade à situação.

📲Siga o canal “Fala News” no WhatsApp

Diante desse cenário, os moradores de Ribeirão clamam por uma solução imediata para o problema de abastecimento de água, esperando que as autoridades competentes assumam suas responsabilidades e garantam o acesso básico a um recurso essencial para a vida 💦. Enquanto isso, a incerteza paira sobre a cidade, que enfrenta não apenas a escassez de água, mas também a falta de respostas claras e a preocupação com a segurança de suas famílias.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *