segunda-feira, maio 27

Direita em Jaboatão deverá pulverizar candidaturas e votos do Clã da Família Ferreira

Aliados antigos que já estiveram no grupo Ferreira, deverão lançar seus nomes para a prefeitura

Adeildo da Igreja
Foto: Divulgação
A disputa pela prefeitura de Jaboatão dos Guararapes deverá aumentar a tensão nos partidos de direita que pretendem lançar seus candidatos em 2024, entre os que mais temem a pulverização em seu campo político está o PL, que atualmente governa a cidade, través do prefeito Luís Medeiros, que faz parte do grupo liderado pelo ex-prefeito Anderson Ferreira, presidente estadual do Partido Liberal em Pernambuco.
Nomes de ex-aliados como o do atual presidente da Câmara Municipal, Adeildo da Igreja, e também do vereador Marlus Costa, mais votado nas eleições de 2020 quando foi reeleito apara o parlamento municipal, pretendem lançar seus nomes na disputa pelo poder executivo.
Marlus Costa
Foto: Divulgação
Isso representa uma perda de capital político enorme do prefeito Luís Medeiros, pulverizando os votos de seu campo político. Essas candidaturas tem o potencial de minar os votos que seriam depositados no atual gestor, pois são dissidentes da base governista, e impotentes atores políticos na política local.
Além desse imbróglio instalado no grupo da Família Ferreira, outro fator que poderá render grande dor de cabeça para a continuidade da atual gestão, é uma possível candidatura da deputada federal, Clarissa Tércio (PP), que tem seu nome ventilado para entrar no páreo em Jaboatão, ela obteve a segunda maior votação no município em 2022, com mais de 30 mil votos.
Esse cenário de quatro nomes fortes no campo da direita, e de ex-aliados do grupo político da família Ferreira, favorecerá uma conjuntura que leve a disputa para o segundo turno.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *