quarta-feira, julho 24

Alunos de escola pública de Pernambuco criam aplicativo para o São João de Caruaru

 Estudantes utilizam conhecimentos em tecnologia e inovação para desenvolver app que traz informações sobre os festejos juninos

Foto: Divulgação

Um grupo de quatro alunos do 2º ano do Ensino Médio da Escola Técnica Estadual (ETE) Fernando Lyra, em Pernambuco, lançou o aplicativo “São João Caruaru 2023”. A novidade promete facilitar a vida dos amantes dos festejos juninos, oferecendo informações detalhadas sobre a programação do São João de Caruaru, no Agreste pernambucano.

Os estudantes fazem parte do Espaço 4.0 da escola, um centro de inovações financiado pela Secretaria de Ciência, Tecnologia e Inovação de Pernambuco (Secti/PE), em parceria com a Secretaria Estadual de Educação. O projeto contou com o apoio dos cursos de Marketing e Desenvolvimento de Sistemas, permitindo que os alunos aplicassem seus conhecimentos práticos na criação de um app simples e funcional.

O aplicativo oferece informações sobre os polos de festa, com datas e atrações confirmadas, além de detalhes sobre os eventos relacionados às comidas gigantes. Também disponibiliza serviços de segurança, como bombeiros, polícia e Samu, para garantir a tranquilidade dos participantes.

O professor orientador, Matheus Farias, destacou a importância do projeto ao unir a prática dos cursos com a divulgação das festas juninas, atraindo mais turistas e ajudando as pessoas a organizarem melhor sua programação. Os estudantes também ressaltaram a emoção de transformar sua paixão pelo desenvolvimento de aplicativos em uma iniciativa que celebra a tradição e alegria da festa.

Os Espaços 4.0 estão presentes em todas as ETEs e diversas Escolas de Referência em Ensino Médio (EREM), oferecendo infraestrutura com laboratório maker e laboratório de tecnologias de informação e comunicação. Gabriel Lemos, aluno de Desenvolvimento de Sistemas, expressou sua empolgação ao ver o aplicativo ganhar vida e espera ansioso pelas próximas edições.

Esses espaços permitem que os estudantes aprendam, criem soluções e empreendam para enfrentar desafios do governo, da sociedade e das empresas. Na ETE Fernando Lyra, já há resultados positivos, como a startup Carutech liderada pelos bolsistas do Espaço 4.0.

Segundo Hugo Medeiros, diretor de Inovação da Secti/PE, essa política proporciona infraestrutura, formação e incentivo por meio de bolsas, fomentando a CTI (Ciência, Tecnologia e Inovação) e o empreendedorismo inovador. A ETE Fernando Lyra conta com seis bolsistas e oferece formação em áreas como Ciência de Dados, Computação na Nuvem, Economia Circular, Economia Criativa, EduMaker e Inteligência Artificial.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *